CRÍTICA: SHAZAM!

Se eu tiver de definir o filme com uma palavra seria “mágico”! A produção de Shazam! não poupou esforços em criar um filme original e ao mesmo tempo com grande fidelidade aos quadrinhos. Despretensioso, hilariante e cativante, a trama oferece tudo o que você deseja de um filme de super-herói sem perder o ritmo narrativo e a ação dos quadrinhos!

CRÍTICA: SHAZAM!

O elenco escolhido é um show de talentos que estão muito bem em seus papéis. Zachary Levi faz um herói inocente e carismático que consegue copiar com perfeição os maneirismos de Asher Angel que interpreta Billy Batson. Mark Strong (que atuou como sinestro em Lanterna Verde) faz um vilão determinado com uma motivação bem desenvolvida e conectada com a trama, fugindo do estereótipo caricato que era a versão de Silvana nos quadrinhos.

CRÍTICA: SHAZAM!

O diretor David F. Sandberg apresenta um filme que trás uma mensagem forte sobre união e que o conceito de família pode ser formado das mais variadas maneiras, independente de genética. O roteiro apresenta uma narrativa de origem um pouco diferente dos quadrinhos, porém fiel a sua essência. Billy Batson se perde de sua mãe e se torna um menino com uma missão, a de achar sua família não importa o que custe a ele, porém as coisas não saem como ele deseja. Durante o filme, diversas citações ao universo compartilhado da DC são feitas, inclusive há uma participação especial de um conhecido personagem em uma cena. Há diversas surpresas para os fãs do personagem e as duas cenas pós-créditos adicionam detalhes que permitem saber que haverá uma continuação digna para o herói.

CRÍTICA: SHAZAM!

Uma curiosidade é que o Capitão Marvel não tem nome de herói definido no filme! A dupla Billy Batson e Freddy Freeman testam diversos nomes nada heróicos para ver se algum deles funciona, o que é muito divertido!

Com efeitos especiais instigantes e atuações excelentes, Shazam! com certeza será o próximo grande sucesso de bilheteria da DC e pode alcançar facilmente o mesmo patamar de elogios e aplausos que Aquaman conseguiu recentemente.

Então, o que está esperando para ir ao cinema e dizer a palavra mágica?

Avaliação:

CRÍTICA: SHAZAM!

Related posts

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.