Visitamos o museu do videogame e contamos nossas impressões

Visitamos o museu do videogame e contamos nossas impressões
Eu, perdendro de forma vergonhosa no jogo do sapinho em um “Atari gigante”

O museu itinerante do videogame está em exposição no Shopping Nova América, na cidade do Rio de janeiro. Nós, aqui do Papo Aleatório, visitamos o evento e contamos as nossas impressões sobre ele.

Como no último ano, o museu aterrissou no Rio de Janeiro trazendo nostalgia e novidade ao mesmo tempo, comconsoles de videogame que vêm desde o clássico Odissey até os modernos PS4 e Xbox ONE, proporcionando aos visitantes experimentarem alguns desses jogos nessa mistura de gerações do entretenimento e que já está aí a quase 50 anos.

O número de consoles em exposição é impressionante, e devo dizer que mesmo eu, que sou um grande fã dessa forma de entretenimento a 30 anos, não sabia sequer da existência de muitos deles.  Acredite, é impressionante!

Os expositores contêm consoles eportáteis, e como em todo museu que se prese, vem neles breves descrições de suas funcionalidades e muitas vezes alguma curiosidade, como se foi bem recebido, se era incomodo ou mesmo se teve algum jogo marcante.

Visitamos o museu do videogame e contamos nossas impressões
Mais uma vez eu, segundos antes de um “contra” em SNK vs Capcom

Além disse, os visitantes podem experimentar diversos jogos em consoles antigos e novos, tais como Atari(rapaz, esse foi meu primeiro videogame), Master System e muitos outros, disponíveis a qualquer um que passar por lá e queira relembrar um pouco da sua  infância; ou para os mais novos que não sabem o que é pilotar um caça de “ultima geração” no River Raid ou nunca limparam as ruas da cidade de criminosos em Streets of Rage, podem ver que nem só de gráficos vivem os jogos, mas sim de muita, muita diversão e boa jogabilidade. Do outro lado temos consoles da nova geração com jogos como os Recentes “Marvel´s Spider-Man” ou o ganhador do jogo do ano “God of War”, e muitos jogos de luta para a galera se divertir nos contras.

Visitamos o museu do videogame e contamos nossas impressões
Alex Kidd in the Miracle World rodando em um master system perfeitamente conservado

Em adição a isso tudo, no centro da exposição, temos um grande palco com um “Kinectic” em funcionamento, onde quem se habilitar pode dançar as musicas de “Just dance”, mas sabendo que se quiserfazê-lo, será na frente de todos. Tive o prazer de acompanhar algumas performances na minha visita e elas foram, digamos assim, divertidas.

Mas não são somente a exposição e a experimentação de jogos os atrativos desse museu. A exposição conta com uma programação de eventos, como torneios de jogos e sorteio de alguns prêmios. Aprogramação do evento pode ser conferida na página deles no Facebook clicando aqui.

Visitamos o museu do videogame e contamos nossas impressões
Replica do protótipo do Odissey, primeiro console de jogos da história

Em resumo, para você que é gamer “hardcore”, um simples jogador ocasional ou mesmo só um curioso sobre oassunto, mora na cidade do Rio do Janeiro ou está de passagem por aqui, o Museu Itinerante do Video Game é uma boa pedida de programa para se divertir, está emexposição no Shopping Nova América, que fica na Avenida Pastor Martin LutherKing nº126, e o melhor de tudo, a entrada e os jogos são totalmente gratuitos eestarão lá até o dia 03 de fevereiro.

Curta a página do Papo Aleatório para mais novidades.

Curta também a nossa página do NERDCard no Facebook.

Não deixe de se inscrever em nosso canal do Youtube: youtube.com/c/papoaleatorio e de fazer seu comentário aqui no site.

Related posts

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.